segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Vídeo feito no Movie Marker para a aula de Práticas ;)

video

O vídeo que eu fiz com a intenção de mostrar que não devemos esquecer as velhas e boas experiências e brincadeiras da infância, e que nós devemos as manter vivas no coração de todas as crianças que estão por nascer, mesmo com toda essa tecnologia deslumbrante.

Espero que todos gostem ^^

http://www.youtube.com/watch?v=z3Yplt-cPCM Vídeo postado no yotube também (:

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Vídeos para revolucionar a educação.


    Palestra de Salman Khan onde ele conta como ele esbarrou em uma ideia que pode fazer a diferença na educação de nossos jovens. Invertendo a tradição Khan espera trazer a tarefa de casa para sala de aula e levar a aula para casa.



    A Khan Academy começou como uma brincadeira entre primos e transformou-se em uma organização séria com 100 a 200 mil vídeos vistos por dia em seu site. A ferramenta ChartBeat dá uma ideia do sucesso do site monitorando seu uso em tempo real.
    Salma Khan conta: Quero criar um modelo de escola online autônoma em que o aluno possa entrar sabendo apenas como usar o mouse e mais nada, e ir aos poucos se instruindo, galgando patamares, avaliando a si mesmo e crescendo em qualquer matéria de estudos.
   Eu particularmente concordo com essa visão de criar um modelo em escola global do desenvolvimento de uma escola online e talvez autônoma, em que o aluno possa entrar e navegar apenas com os comandos básicos de como se usar o mouse e aos poucos ir se instruindo, galgando patamares, avaliando a si e crescendo em qualquer no quesito pessoa e no quesito matéria de estudos.

Issac Asimov discursa sobre o impacta da internet e da educação online no futuro.

Asimov, escritor e bioquímico autor de obras de ficção científica e divulgação científica.Vídeo sobre sua entrevista, onde ele disrcursa sobre o futuro das redes de computadores, prevendo o aparecimento da Internet e da educação online.



Muito interessante e realista ;). Realmente ele conseguiu enxergar a frente de seu tempo.

Mídias sociais renovando a educação.

     Além do sucesso das mídias sociais como ferramenta de comunicação e relacionamento entre as pessoas, sejam amigos, familiares ou contatos profissionais, diversas outras formas de uso dessas mídias têm surgido e ganhado destaque na rede.  Por exemplo, existem bons casos de mobilização política nas mídias sociais, não só mobilizações cômicas e de humor, mas por exemplo, uma mobilização online sobre doações de sangue, diversas ONG's tem buscado as mídias para se comunicar melhor e entender a opnião do público, trocando ideias e espalhando sua causa, além, é claro, das empresas que melhoram a percepção de suas marcas e aumentando assim seus lucros.
    O que chama atenção també, é o uso das mídias sociais para potencializar a Educação. é comum alguns colégios e universidades tradicionais julgarem as mídias sociais como distração e perda de tempo, porém, estudos e casos têm mostrado justamente o contrário: elas são capazes de ajudar os estudantes!

Casos interessantes

     Dois professores brasileiros integraram blog, Orkut e Facebook em seus métodos pedagógicos, obtendo grande aceitação dos alunos e aprendizado real, indo além do tradicional uso da tecnologia para trabalhos do tipo “copia e cola”. Suas maiores barreiras foram as políticas de uso da internet das próprias escolas e o problema da inclusão digital.
    Já existem iniciativas brasileiras como: Minha Terra, uma comunidade escolar que produz e troca conhecimentos sobre cidades e protagoniza melhorias em seus espaços. Ou como o 'Eu no Enem', com o intuito de ajudar os jovens que vão fazer o Exame Nacional do Ensino Médio, essa mídia social acolheu quase 20 mil usuários em apenas 74 dias; Mais um exemplo é o Ebah!, saindo um pouco do lado pedagógico, mas que também auxília essa área, se forma como uma mídia social de relacionamentos acadêmicos que permite a troca de informação e conhecimento entre seus usuários

Twitter melhora o desempenho escolar

    Muitos acreditam que comunicar-se por meio de 140 caracteres poderia ser prejudicial ao desenvolvimento de estudantes, pela concisão que o Twitter impõe e suas consequentes informações superficiais e linguagem própria. Entretanto, um estudo recente da Universidade Lock Haven, nos EUA, revelou que alunos que utilizaram o Twitter para completar tarefas foram mais engajados durante o semestre letivo do que os alunos que não utilizaram o microblog. Espera-se que essa pesquisa incentive o uso do Twitter por educadores, e que muda a visão dos professores não apenas do twitter, mas também das redes e mídias digitais.

Integração de tecnologias na educação

   Não podemos ignorar como as tecnologias estão cada vez mais fazendo parte de nosso dia a dia. Não apenas isso, nós mesmo nos vemos acompanhando os avanços dessa área tão interessante e rentável, digo até que se torna quase impossível não acompanhar pelo menos alguma coisa em nosso dia, afinal, nessa era tecnológica, esse tipo de informação se faz presente nos noticiários, revistas, jornais e rádios, das mais diferentes e inesperadas formas.
    Agora não mais presente apenas em nosso lazer cotidiano, os avanços tecnológicos, mídias e etc, se fazem presente na educação, em nossas escolas, salas, e algo sempre na ponta da língua de nossos próprios colegas.
   Vou colocar alguns vídeos de como as escolas estão tendo esse interesse em massa em integrar novas tecnologias dentro das salas de aula. Isso tudo para usar das diferentes formas, seja como forma de melhor ensino ou até como propaganda de marketing.
   Vou colocar um vídeo de um dos cursinhos que eu estudei que integrava uma tecnologia de ponta em suas salas.(Vídeo com humor sobre a escola, pois não achei a propaganda do colégio). Isso é uma sala normal. Você vê que o colégio sem preocupou em integrar uma lousa digital nas salas de aula.